sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Secreta respiração dos amantes


Entre os véus de fumo aveludado
que tecem o cristal dos aromas noturnos
mãos enlaçadas num suor de luzes escondidas
procuram a sedução proibida dos corpos
nas camas de cascalho e plumas
onde a explosão de lava dormente
cresce nos lábios derretidos do vulcão.

Nos tetos suspensos do luar
um roçar de asas estendidas
acende um fogo de leques transparentes
a queimar o incenso de línguas rasgadas
num ritual de secretos desejos
por detrás das portas onde pulsa
o clamor febril das fogueiras.

____________________________________________
Post views: counter

10 comentários:

Silene Neves disse...

Poucas coisas são tão belas nesse mundo... quanto o momento que une os amantes.

E teus versos foram perfeitos do início ao fim! Lindíssimo!

Beijo doce e vermelho

Sil

Reinadi Sampaio disse...

Oi,
Fiquei aqui entre os versos do teu poema e as palavras escolhidas para o representar: amantes, amor, ritual, sedução - uma só emoção.

Genética das emoções...


A genética... A centelha do poder
Ela se cria... Recria... Altera e valoriza...
Evolui de forma extremista,
Radical e tantas vezes ambígua!
Mas nos abraça totalmente e nos faz evoluir,
Explica o racional e o irracional!
E a genética das emoções?
De que forma se pode estudar o que não controlamos!?
Não tem justificação
Ou é puramente irracional.

O que comanda essa genética?
A química?
Músculos que trabalham toda a vida,
Autônomos capazes de feitos únicos,
De nos projetar ao mais alto altruísmo,
Ou nos arrastar na mais poeirenta estrada?
E tantas vezes nos rimos... Choramos...
Projetamo-nos... Absorvemos emoções...
Sensibilizamo-nos
E insensibilizamos à mesma velocidade!

A genética das emoções,
Está para além do nosso conhecimento...
Vontade ou realidade!
Não tem código decifrável,
Apenas, o aleatório, de uma vontade,
De uns músculos sem cérebro...
Mas que sentem de uma forma única,
Direcionam a nossa vontade e maneira de ser...
Quem se ri de quem no fim!?

E quando sentem que na nossa pequenez sabemos tudo...
Como seres onipotentes nos deixam recriar tudo...
E não têm cérebro...!

Consegues imaginar a genética deste órgão
Se tivessem cérebro associado à genética das emoções!?
Da para rir... Mas é de nervoso!

Que poder eles controlariam
Se a genética das emoções tivesse cérebro...!?

Não são palavras para reflexões...
E sim, o gozo do fluir das palavras,
Em devaneios inspirados,
Na emoção de ver
E na beleza de sentir a vida... A poesia
Ou a história dos amantes,
Tão inspiradora hoje, como sempre !

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Reinadi Rodrigues Sampaio
Cruz das Almas, Bahia, Brasil.
às 00h21min.
~~~~~~~~~~~~
Um poema dedicado ao teu poema.
Abraço.
Flor.

Mallika disse...

Passei pra te ler. Bom como sempre. Abraços.

Maze Oliver disse...

Uma explosão de sensualidade. É assim que defino o seu poema. Muitas felicidades neste novo ano! Um grande abraço!

mfc disse...

A sedução e o diálogo dos corpos nunca deve ser proibido.

Rosa Mattos disse...

Achei tão bonito isso "nos tetos suspensos do luar/um roçar de asas estendidas".

Ótima semana/!! bj

Antonio Rubilar B. Valente disse...

De tudo o que vejo e leio nessa minha viagem virtual de internet, entrando e saindo de sites,blogs, espaços e mais espaços(alguns "vazios" que nem se pode denominar de espaço)eis que encontrei UM que que me cativou e me tomou o precioso tempo.Devemos sempre ser assim na WEB...Transmitir algo de prazeroso e que nos faça refletir.Afinal,VIVER ainda é o melhor "donwload" que a nossa essência pode fazer.Um abraço amigo do BRASIL DA PENA, Rubi Valente.

Evanir disse...

É sua amizade que desejo lembrar para sempre e estará sempre em meu coração,
mantendo-nos aquecidos, fortalecidos e segura de que nunca estarei sozinha.
E é assim que eu guardo você
Minha linda Amizade.
E é assim que eu quero guardar...
Como alguém que estará longe, mas sempre lembrará de mim.
Obrigada pelo carinho nesse um ano de Viagem comigo.
Obrigada por estar do meu lado sempre sem notar meus defeitos
me aceitando como sou.
Sei que deixo muito a desejar em responder a sua visita
mais tenho cada amigo e amiga no coração.
Me perdoe por levar uma unica mensagem para visita
infelizmente minhas mãos não ajuda .
Porem me sinto feliz e recompensada por todos entender minha situação.
Na postagem tem uma presente desse dia tão feliz para mim
ficarei feliz em encontra-lo no seu blog.
Obrigada ,Deus esteja com todos nos nessa jornada
que Deus me permita estar contigo por muitos anos ainda.
Beijos e carinhos.
Evanir

rosa-branca disse...

Um poema febril nas palavras mas no meu entender bastante dolorido. Lindo e sensual meu amigo. Beijos com carinho

Elís Cândido disse...

Uau!!

Enviar um comentário

Obrigado pela visita. Se puderes, deixa uma mensagem.

Abraço. Volta sempre.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...