quinta-feira, 19 de maio de 2011

Luz derradeira


Tenho ainda guardado
num recanto invicto do peito
cinco minutos de uma luz branca
que nunca usei,
como um fogo de último recurso,
que irei acender
quando a névoa me cercar
com as unhas gretadas da cegueira
e por detrás da porta
os dias mirrarem
na treva inerte
do fim dos caminhos.

Não quero partir
sem ver para onde me levam.

___________________________________________________
Post views: counter

21 comentários:

* Verinha * disse...

Beijocas no coração Runa e parabéns pelo belo e intenso poema!

Verinha

♥♥♥Ani♥♥♥ - Cristal disse...

Oi Runa querido,


Lindo poema... Estava com saudades...
Eu acho que também tenho uns cinco minutinhos... Mas nunca tinha pensado nisso....


Beijos
Ani

Rart og Grotesk disse...

mais um belo poema que encontro por aqui, sem dúvida, um grande talento!

bom fim de semana!

http://artegrotesca.blogspot.com

Rô... disse...

oi Runa,

sempre que venho aqui,
saio com o coração bem alimentado
e muito satisfeito...

beijinhos

florbella_ba disse...

E'cinco minutos de uma luz branca
que nunca usei'

E, sigo sem medo do desconhecido
Milhas e milhas.
Labirintos confusos...
Pois no fim do túnel...
Uma luz na escuridão.

Uns versinhos meus para os 'cinco minutos da tua luz', que eternamente brilhará nos versos dos teus poemas, meu grande amigo poeta!

Um grande abraço fraterno.
Flor.

Jorge Luis disse...

Estou lhe indicando 3 blogs meus.

Um de patrística (história da igreja, dos primeiros 8 séculos)

http://patristicabrasil.blogspot.com/

Um de iconografias cristãs

http://iconografiascristas.blogspot.com/

E outro de arqueologia biblica

http://angelusexverum.blogspot.com/

A paz de Cristo Jesus

Vivian disse...

Bom dia,Runa!!

Belíssima poesia!!
Que todos possamos ter esta luz, bem guardada para quando precisarmos...
Beijos pra ti!!
Bom final de semana!

CF disse...

Olá Runa
Muitas pessoas na fase terminal da vida referem, efectivamente, a visão de uma luz que os ilumina no novo percurso...o seu texto remete-nos para uma luz que deve ser construida já ao longo da vida e que deve ser convocada nos momentos mais dificeis!
Muito bonito e deixa-nos uma luz, sem dúvida...
abraço

MARILENE disse...

Quando se sentir na escuridão, use essa luz. Não a guarde para um momento especial, pois quando ele chegar, já estará iluminado, certamente.

Bjs.

Sandra disse...

Denso, contudo vislumbro uma esperança e uma vontade de lutar, o que é bom.
Sempre muito inspirado, Runa.
Um grande beijo

Evelyn Colaço . disse...

Sempre, sempre resta uma esperança.

Abraços

mfc disse...

Gostei de saber dessas forças e desse querer lindo que tens dentro de ti.

Vera Lúcia Duarte disse...

RUNA,
BELO E INTENSO, COMO TUDO QUE EXALA DE SEU SER.
OBRIGADA PELA VISITA.
TENHA UM DELICIOSO FIM DE SEMANA.
ABRAÇO.

Sam. disse...

Se teu peito tem a capacidade de luz produzir, não a guarde, espalha-e e ilumine! A alma sabe da necessidade para repor e iluminar sempre mais e mais!

Encantada com teus versos, sigo-te!

Obrigada pela visita!

Um beijo! bom domingo!

# Poetíssima disse...

E um amigo me pergunta:

-Por que você passa horas vendo blogs e lendo coisas? Às vezes nem pensamos que você está perto... você fica com a cara no pc quietinha... só lendo.. o que tanto você lê?

-O néctar dos pensamentos das almas pensantes me alimenta..

Gostei do tempo que ganhei estando aqui.
Abraços nossos,
Poetíssima. #

Mara Melinni disse...

Que esse facho de luz possa revelar um sol de intensa claridade e alegria em seu caminho!

Ótimo fim de semana!!

Bjss

нєllєи Cαяoliиє disse...

Que esta luz possa irradiar na escuridão aqueles que não permitem-se enxergar além da luz!
Sempre belos teus versos.
Beijos

Von disse...

Gostei deste teu blogue, por isso me tornei no teu mais recente seguidor.
Beijinhos e obrigado.

rosa-branca disse...

Lindo querido amigo, guardar a luz para não partir ás escuras. Será que do outro lado não haverá luz suficiente? Adorei o teu poema. Beijos com carinho.

Malu disse...

Runa,

A intensidade de sua poesia sempre me inebria ...
Mais que bela !


Bjo.

Vera Celms disse...

Runa Querido!!! esses teus 5 minutos de luz, me fazem lembrar de uma poesia que fiz chamada NOBREAK ANTIPÂNICO, vou postar no Arrastando Correntes no domingo... acho que vai gostar... passe por lá... beijos ILUMINADOS pra ti... te adoro... VERA CELMS

Enviar um comentário

Obrigado pela visita. Se puderes, deixa uma mensagem.

Abraço. Volta sempre.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...